Adsense

domingo, 10 de agosto de 2014

Academia e Desculpas - Fitness


Existem apenas dois tipos de pessoas no mundo - aquelas que trabalham fora e aquelas que não trabalham fora. Uns têm mais tempo disponível e outros menos. Desnecessário dizer quem é mais saudável, mais forte e mais bem definido. Algumas pessoas vêm com a desculpa de que seu tempo é escasso, outras que se matricularam numa academia, mas os treinos eram muito difíceis, ou que se sentiam envergonhados em levantar cerca de um décimo dos pesos que os que já treinam há mais tempo.
Alguns ainda, dizem que não têm tempo, ou que não têm dinheiro suficiente para frequentar uma academia, e por aí vai... 


Bem, danem-se as desculpas. A única razão pela qual a maioria dos iniciantes não pode continuar com os exercícios é que eles não têm motivação. A força para movê-los não existe, o que faz com que eles venham com desculpas sem sentido. A única coisa necessária para estar em forma é a motivação e dedicação. Veja como você pode construir a parte motivacional para evitar as eternas desculpas:

• O fator tempo. O número um em desculpas de todos os tempos. Você pode estar praticamente sem fazer nada, mas ainda assim você a usa como desculpa. Se você não pode dedicar uma hora inteira à academia todos os dias, você pode se exercitar mudando alguns hábitos. Por exemplo, preferir as escadas ao invés do elevador se o número de andares não for muito grande. Ir ao mercado próximo caminhando ou de bicicleta ao invés de usar seu carro. Se você realmente está ocupado em dias da semana, você pode programar seus treinos para os fins de semana.



• Divida seus objetivos no longo prazo em sub-metas. Você pode ter o objetivo de levantar mais de cem quilos em um ano, por exemplo. Seria melhor se você pudesse dividir isso em meses, como 30 quilos até o final do primeiro mês, 40 até o final do outro e assim por diante.  A realização dos objetivos parciais vai te manter envolvido, assim como você vai continuar sentindo aquele gostinho de conquista, que irá motivá-lo a querer sempre mais. 



• Isso dói !!! Bem, os exercícios devem doer um pouco. Se não machucarem, é sinal que não está havendo desenvolvimento. Um bom físico e um corpo saudável tem um preço. Você vê o suor escorrendo de sua testa? Isso é o “choro” de gordura, uma vez que está em chamas. A dor? É a fraqueza saindo do corpo e você empurrando seus limites. No dia seguinte a seu primeiro treino, espera-se que haja alguma dor. Seus músculos  estavam fora de uso por um longo tempo e seu uso repentino gerou um acúmulo de ácido láctico nos mesmos. Essa é a fadiga. Se você respirar corretamente durante os exercícios e alongar corretamente após os treinos, esse acúmulo pode ser reduzido a alguns níveis. À medida que os dias passarem, a fadiga se reduz gradualmente.




• Eu não sei como me exercitar. O mundo de hoje está na internet. No You Tube  você pode encontrar os tutoriais em vídeo, adequados a praticamente qualquer exercício que você quer fazer. Existem muitos sites que dão a programação adequada de exercícios também, seja para perder peso, ganhar massa muscular ou levantamento de peso. 



• É caro! As proteínas, a academia, os suplementos e tudo mais. Não, não é. Se você não pode pagar a academia nem o equipamento, você sempre tem a opção de ginástica (os exercícios de peso corporal. Veja matéria anterior no blog: ) . Se você não pode pagar as proteínas, mas pode pagar o Big Mac, que vergonha. De qualquer forma, os ovos são mais baratos do que a maioria dos alimentos lá fora. Eles são cheios de nutrientes, incluindo alguns dos principais micronutrientes, bem como os macronutrientes. É o mesmo com o leite. A Batata pode fornecer os carboidratos, enquanto o brócolis pode fornecer fibras e outros micronutrientes. Você pode gastar dinheiro com essas coisas, em vez de desperdiçá-lo com os alimentos “sucata”.

Vamos viver uma vida mais saudável!!!!!!
Postar um comentário